Superbike
22/05/2017 07:30

Pai reitera quadro inalterado cinco dias após atropelamento e pede orações por Hayden: “Precisa de um milagre”

Earl Hayden reiterou que o quadro clínico de Nicky Hayden segue inalterado cinco dias após o atropelamento nas cercanias de Rimini. Pai do piloto da Honda pediu que os fãs sigam rezando, já que o #69 “precisa de um milagre”
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Nicky Hayden (Foto: Graeme Brown/Red Bull Content Pool)
 
Pai de Nicky Hayden, Earl voltou a falar com a imprensa e pediu que os fãs do piloto da Honda no Mundial de Superbike sigam rezando pela recuperação do norte-americano. De acordo com o pai, o campeão de 2006 da MotoGP “precisa de um milagre”.
 
 
Earl acompanha o tratamento do filho à distância, já que não pôde viajar para a Itália por conta de problemas de saúde. Nicky está acompanhado pelo irmão Tommy, pela mãe, Rose, e pela noiva, Jackie Marin, além de integrantes do time no Mundial de Superbike.
Nicky Hayden segue com quadro inalterado após atropelamento na Itália (Foto: Markus Berger/Red Bull Content Pool)

Falando à publicação norte-americana ‘Road Racing World’, Earl pediu que os fãs sigam rezando.
 
“Tudo está exatamente 100% igual nos últimos três dias. Nada mudou”, contou Earl. “Por favor, sigam rezando, já que Nicky e minha família precisam de um milagre”, completou.
 
Na sexta-feira, Earl tinha conversado com o jornalista John Ulrich para desmentir boatos que circulavam na internet. Na ocasião, o pai de Nicky negou que a família tenha emitido um comunicado para anunciar a morte do piloto e sublinhou que o #69 segue sua batalha pela recuperação, “embora esteja no suporte à vida”.
 
Além disso, Earl negou a informação inicial de que Nicky pedalava em um grupo de 14 pessoas e confirmou que o piloto estava sozinho no momento do atropelamento. O pai do ‘Kentucky Kid’ ressaltou, ainda, que os médicos não fizeram uma cirurgia no #69, que também “nunca esteve em coma induzido”.
 
O Hospital Maurizio Bufalini emitiu o último boletim médico sobre a condição de Hayden ao meio dia de domingo (7h de Brasília). De acordo com os médicos, “a condição segue muito crítica e o quadro clínico está inalterado”.
 
No último fim de semana, os pilotos da MotoGP prestaram uma série de tributos ao campeão de 2006, exibindo nas motos adesivos com mensagens de força ao ‘Kentucky Kid’. Fernando Alonso também aproveitou sua participação nas 500 Milhas de Indianápolis para desejar força a Hayden. Os dois se conhecem desde os tempos que representavam Ducati e Ferrari por conta de um tradicional evento conjunto de patrocinadores.

Em Indianápolis, Alonso também está na torcida pela recuperação de Nicky Hayden (Foto: Instagram/Fernando Alonso)

MENINO THOMAS MOSTRA LADO HUMANO DA F1 E AQUECE ATÉ CORAÇÃO DO ‘HOMEM DE GELO’ RÄIKKÖNEN