Seletiva BR
08/10/2018 05:45

Com foco no talento, decisão da Seletiva Petrobras traz karts idênticos para 12 finalistas

A organização da Seletiva de Kart Petrobras trabalha para que os finalistas possam competir com o equipamento mais parelho possível. Os 12 candidatos ao título vão ter um Kart-Mini com velocidade máxima de 150 km/h
Warm Up / Redação GP, de Berlim
 Etapa da Seletiva Petrobras, em Aldeia da Serra (Foto: Nicola Pizarro)
Quem quer que se sagre campeão da Seletiva de Kart Petrobras de 2018, vai precisar contar com talento. Tentando tornar a disputa mais parelha possível, o campeonato mantém a decisão de distribuir karts idênticos para os 12 finalistas na 20ª edição.
 
Isso significa que todos vão competir com equipamento da marca Kart-Mini, tradicional no kartismo brasileiro. Combinando o chassi M3 com um motor Biland SA 250, com potência de 28 cavalos, a expectativa é de que a decisão na Granja Viana tenha pilotos alcançando os 150 km/h nos trechos de maior velocidade.
A Seletiva de Kart Petrobras dá equipamento idêntico aos finalistas (Foto: Flávio Quick)
A ficha técnica dos karts também inclui pneus da marca MG e gasolina Podium, da Petrobras, para a dúzia de finalistas.
 
A decisão da Seletiva de Kart Petrobras acontece nos dias 22 e 23 de outubro, no kartódromo da Granja Viana. O campeão da seletiva leva R$ 100 mil como prêmio, enquanto o vice fatura R$ 10 mil. Os vencedores também terão participação em um programa de orientação, que inclui testes em equipe de Fórmula 4 na Europa, experiência em simulador de Fórmula 1, teste na Stock Light, avaliação física e psicológica, media training e palestra sobre marketing esportivo.