Outras

Petecof fecha primeiro ano nos monopostos em busca de “concretizar todo o aprendizado” em 2018

Aos 15 anos, o piloto membro da Academia Shell Racing e também da Academia da Ferrari encerra neste fim de semana, em Mugello, seu primeiro ano correndo em categorias fórmula. Na disputa da rodada final da F4 Italiana, o brasileiro aguarda uma jornada com pista molhada
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Gianluca Petecof (Foto: Prema Powerteam)
O fim de semana marca o encerramento da temporada 2018 da F4 Italiana e, também, o desfecho do primeiro ano de Gianluca Petecof nos monopostos. Dono de uma carreira brilhante no kartismo, com títulos nacionais e internacionais, o paulista, hoje com 15 anos, disputou simultaneamente as temporadas da F4 Italiana e Alemã correndo pela equipe Prema Powerteam. Ao longo do ano, o piloto, membro da Academia Shell Racing e da Academia da Ferrari, mostrou notável crescimento e espera fechar o campeonato em rota ascendente em Mugello, veloz e tradicional circuito italiano.
 
Na F4 Italiana, Petecof ocupa a sexta colocação do campeonato, com 128 pontos, e a vice-liderança entre os estreantes. Ao longo de 2018, Gianluca venceu seis corridas entre os rookies e foi ao pódio no geral em duas oportunidades. Há chances de conquistar o título dos novatos. O piloto tem um total de 135 pontos, contra 150 do tcheco Petr Ptacek. Assim, o brasileiro necessite de uma combinação de resultados para levantar a taça.
 
Durante 2018, Gianluca sofreu um revés ao perder a rodada tripla de Monza em razão de uma lesão nas costas ocorrida após um acidente numa sessão de testes. No fim das contas, tudo serviu como aprendizado ao piloto, que evoluiu a cada rodada.
Gianluca Petecof luta para fechar em alta sua primeira temporada nos monopostos (Foto: Prema Powerteam)
Mugello, palco da disputa de categorias como a MotoGP, o DTM e várias categorias de base, como a F4 Italiana, é bastante seletivo, embora com predominância de trechos de média e alta velocidade. Um traçado desafiador de 5.245 m e 14 curvas que conta também com variações consideráveis de relevo.
 
Petecof destacou a expectativa para fechar 2018 em alta e consolidar a evolução obtida ao longo do campeonato.
 
“Quero continuar o bom trabalho e evolução que mostramos nas últimas etapas: tanto em Vallelunga quanto em Hockenheim, estive entre os maiores pontuadores do fim de semana, o que ilustra nossa evolução. E, claro, quero fechar meu primeiro ano nos carros e concretizar todo o aprendizado da temporada com um resultado forte e uma boa posição no campeonato”, disse o piloto, que guia o carro #5 da Prema Powerteam.
 
A expectativa para o fim de semana é que as três corridas sejam disputadas com pista molhada, o que deixa Petecof animado em razão do retrospecto em tais condições durante o ano.
 
“Vi que tem previsão de chuva para o fim de semana que está chegando e fiquei animado. O único fim de semana de corrida que tivemos com pista molhada, em Paul Ricard, conseguimos a quarta posição depois de largar de oitavo”, complementou.
 
A programação do fim de semana prevê duas sessões de treinos livres na sexta-feira. No sábado, há previsão de dois treinos classificatórios, às 4h (horário de Brasília) e às 4h25, com a primeira corrida sendo disputada às 8h10. No domingo, mais duas provas encerram a rodada tripla de Mugello: às 4h e às 10h30.
 
A rodada derradeira da temporada 2018 da F4 Italiana vai contar com a transmissão ao vivo no site oficial da categoria, www.f4championship.com.br e na sua conta oficial no Facebook.