Outras

Petecof fatura primeiro pódio e termina fim de semana de abertura da F4 Italiana em Adria no top-3 do campeonato

Uma semana depois de viver seu primeiro fim de semana em corridas de carro na F4 Alemã, Gianluca Petecof fez a estreia pela F4 Italiana no circuito de Adria. E teve uma jornada das mais positivas no último domingo, onde faturou seu primeiro pódio nos monopostos. De quebra, agora ocupa a terceira colocação no campeonato, sendo o melhor novato
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Gianluca Petecof vai mostrando evolução constante em suas primeiras corridas na F4 (Foto: Prema Powerteam)

A carreira de Gianluca Petecof nos carros de fórmula ainda está apenas no começo, mas já dá amostras de evolução contínua a cada fim de semana. Depois da abertura da temporada 2018 da F4 Alemã, em Oschersleben, onde foi destaque e também o melhor dentre os pilotos estreantes, o brasileiro da Academia Shell Racing e da Academia da Ferrari voltou a mostrar potencial na primeira rodada tripla da F4 Italiana, disputada no circuito de Adria. Com um quinto lugar, um segundo — seu primeiro pódio na classificação geral de uma corrida nos monopostos — e um sétimo, Petecof assumiu a terceira colocação do campeonato, atrás do compatriota e companheiro de equipe Enzo Fittipaldi, dono de duas vitórias neste domingo (22) e do italiano Leonardo Lorandi.
 
Considerando apenas os estreantes, que têm na F4 a principal plataforma para ‘subir’ depois de fazer a transição do kartismo para os monopostos, caso também de Petecof, o brasileiro ocupa a liderança, sendo o único novato entre os cinco primeiros colocados do campeonato. Gianluca soma 34 pontos conquistados. Ao todo, nada menos que 30 pilotos alinharam para a etapa de Adria.
Gianluca Petecof faturou seu primeiro pódio logo na rodada dupla de abertura da F4 Italiana (Foto: Prema Powerteam)
Foi um domingo bastante intenso, uma vez que a programação do fim de semana em Adria compreendeu os treinos livres e também os treinos classificatórios para os sábados, deixando todas as três corridas do fim de semana para o dia final. Foi mais um desafio para Petecof neste seu começo de jornada nos carros fórmula ao ter de encarar cerca de uma hora e meia entre as três provas da etapa de Adria.
 
Gianluca obteve o terceiro lugar do grid de largada da primeira corrida do fim de semana, permanecendo entre o top-3 por mais da metade da prova. Ao longo da disputa, Petecof travou boas brigas nas voltas finais e terminou em sexto, mas confirmou o quinto lugar após ver um dos seus oponentes sofrer uma punição por atitude antidesportiva ao tocar e ultrapassar o piloto do carro #5 da Prema Powerteam.
 
Já na segunda corrida, Petecof partiu da segunda fila e logo mostrou seu crescimento na F4 na largada, quando partiu para a segunda posição na primeira volta. E assim, controlando a vantagem para os concorrentes, manteve a colocação e faturou seu primeiro pódio no campeonato, ficando a apenas 1s484 do vencedor, Lorandi.
 
Por fim, no desfecho da rodada tripla, Petecof manteve o segundo lugar no grid de largada, mas acabou ficando encaixotado numa disputa por posição e finalizou a prova em sétimo. Valeram os pontos em mais uma fase do aprendizado que o brasileiro vive neste ainda começo de novo ciclo nos monopostos.
Gianluca Petecof ocupa a terceira colocação geral do campeonato e é o primeiro entre os novatos (Foto: Prema Powerteam)
No fim das contas, Petecof fez um balanço positivo da sua primeira jornada ‘pra valer’ na F4 Italiana neste fim de semana. “Foi muito bom no geral. Conseguimos fazer um quali muito forte, com um terceiro, um quarto e um segundo nos grids. A primeira corrida foi um pouco bagunçada, mas consegui um bom P5. Na segunda prova, tive uma ótima largada e fui para segundo logo no começo e, de lá, fui só buscar o primeiro lugar, mas o líder estava muito rápido e conseguimos uma ótima segunda posição, com o primeiro pódio geral nos fórmulas. Fiquei muito feliz!”, destacou.
 
“Na terceira corrida, houve uma bagunça geral, com todo mundo passando por cima de todo mundo, quase fui arrancado da corrida duas vezes. Mas no fim conseguimos trazer o carro para casa em sétimo. Estou em terceiro no campeonato e é muito bom sair na frente depois da primeira etapa”, comemorou o piloto da Academia Shell Racing, bastante satisfeito com sua evolução contínua.
 

Agora, o jovem piloto de 15 anos foca nos próximos desafios: no primeiro fim de semana de maio, na F4 Alemã em Hockenheim — em conjunto com a abertura do DTM — e uma semana depois, pela F4 Italiana, no não menos lendário circuito de Paul Ricard, na França.
 
“Mostramos que temos um ritmo, e agora é colocar tudo junto nas próximas etapas. A segunda etapa [da F4 Italiana] vai ser em Paul Ricard, onde fomos muito rápidos nos treinos. Estou muito feliz com esse primeiro fim de semana, começando forte o campeonato”, concluiu Gianluca Petecof.
SURPRESA AGRADÁVEL APESAR DOS PORQUÊS

TEMPORADA 2018 COMEÇA COM F1 DEPENDENTE DO IMPONDERADO