Nascar

Truex capricha nas relargadas e vence etapa de Charlotte na abertura da segunda fase dos playoffs

Martin Truex Jr. segue com um desempenho impressionante na temporada 2017 da Nascar. O piloto da Furniture Row teve grande ritmo, mas se destacou especialmente nas relargadas em Charlotte. Com a vitória, é o primeiro a carimbar o passaporte para a terceira fase dos playoffs
Warm Up / GABRIEL CURTY, de São Paulo
 Martin Truex Jr. ganhou a liderança nos boxes (Foto: Reprodução/Twitter)

A etapa de Charlotte não teve tantas trocas de liderança com a prova em movimento, mas uma série de bandeiras amarelas no final quase complicou a vida de Martin Truex Jr. O piloto da Furniture Row, no entanto, foi bem nos boxes e melhor ainda nas relargadas para carimbar o passaporte para a terceira fase dos playoffs.

Na sequência apareceram outros quatro pilotos que seguem vivos nos playoffs. Com boa última relargada, Chase Elliott conquistou a segunda posição, seguido bem de perto por Kevin Harvick, que faturou os dois primeiros segmentos da corrida.

Denny Hamlin também fez uma prova um tanto quanto consistente e chegou a ter chances de vitória na reta final, mas se contentou com a quarta colocação, na frente de Jamie McMurray, que foi crescendo perto da metade da corrida.

O melhor dos pilotos que não brigam mais pelo título foi o mexicano Daniel Suárez, que chegou em sexto. Jimmie Johnson, Ryan Blaney, Kasey Kahne e Kyle Larson fecharam o top-10. Kyle Busch, um dos principais favoritos ao campeonato, bateu diversas vezes e se arrastou até o 29º lugar.
Martin Truex Jr. ganhou a liderança nos boxes e caprichou nas relargadas (Foto: Reprodução/Twitter)
Confira como foi a etapa de Charlotte

 A largada para a etapa de Charlotte que abre a rodada dos 12 finalistas da Nascar aconteceu às 14h02 (em Brasília). Denny Hamlin saiu muito bem e se segurou na ponta, com Matt Kenseth sendo engolido por Kevin Harvick, Clint Bowyer, Chase Elliott e Kyle Busch.

Na volta 36, veio a bandeira amarela de competição já programada antes da corrida. Hamlin e Harvick estavam na frente, disputando bem a primeira posição, mas sempre com o #11 na ponta. Martin Truex Jr. já começava a se destacar escalando o pelotão e voltava em sexto da primeira rodada de paradas, com Elliott, Kyle Busch e Kenseth entre ele e os ponteiros.

A relargada veio na volta 40 com Elliott mergulhando para finalmente tirar Hamlin da frente. Harvick o acompanhava, se mantendo em segundo. A corrida seguiu sem incidentes até Bowyer e Ryan Newman se acertarem na pista. O #14 ficou danificado, mas o #31 de Newman abandonava ali mesmo. 

Os pilotos relargaram na volta 50 com Harvick, Elliott, McMurray e Kyle Busch nas primeiras colocações. Os primeiros lugares seguiram intactos até o fim do primeiro estágio, com a prova ficando bem mais morna. Ao fim de 90 voltas, Harvick vinha na dianteira.
Kevin Harvick (Foto: Reprodução/Twitter)
O segundo estágio rolava tranquilo com Kyle Busch na frente, mas, perto do fim de seu primeiro terço, Michael McDowell rodou, causando mais uma interrupção da corrida por bandeira amarela. A quinta vez em que a amarela entrou foi com Kyle Busch, que bateu no muro e se complicou muito na corrida, já perdendo volta para os líderes.

No final do segundo segmento, já com as coisas mais calmas apesar do calvário de Kyle Busch, que seguia raspando no muro e andando de lado com o carro avariado, Harvick novamente cruzava na frente dos rivais, comprovando domínio na corrida.

A rodada de paradas nos boxes durante o terceiro estágio fez a diferença. Truex Jr. saltou para a primeira posição, finalmente superando Harvick, enquanto Kyle Larson colava nos dois e, pouco depois, também passava Harvick. 
Kyle Larson (Foto: Reprodução/Twitter)
A prova voltava a ser interrompida com pouco menos de 70 voltas para o fim, com David Ragan indo para o muro e voltando em cima de Danica Patrick que, mais uma vez, estava na hora errada no lugar errado.

Larson relargava muito bem e a corrida parecia indicar que teria gente poupando combustível consideravelmente até o fim. No entanto, Kyle Busch voltou a rodar e causou nova amarela. Nos boxes, Larson e Jimmie Johnson tiveram muitos problemas e perderam terreno.

A reta final ia chegando, mas daquele jeito em que a Nascar está acostumada, especialmente em Charlotte. Primeiro, Kyle Busch forçava mais uma bandeira amarela. Truex acertava outra grande largada, mas aí era hora do outro irmão Busch, Kurt, tocar em Larson, rodar e novamente interromper a corrida, causando a prorrogação.

A relargada derradeira veio com duas voltas pela frente e, mais uma vez, Truex fez grande saída. O piloto foi abrindo, aos poucos, uma distância irreversível para Hamlin e, no último giro, para Elliott e Harvick. Vitória e passaporte carimbado para a terceira fase dos playoffs.

Nascar, Charlotte, Classificação final:

1 78 MARTIN TRUEX JR. EUA FURNITURE ROW TOYOTA 337 voltas  
2 24 CHASE ELLIOTT EUA HENDRICK CHEVROLET +0.911  
3 4 KEVIN HARVICK EUA STEWART-HAAS FORD +1.404  
4 11 DENNY HAMLIN EUA JOE GIBBS TOYOTA +1.645  
5 1 JAMIE McMURRAY EUA GANASSI CHEVROLET +1.977  
6 19 DANIEL SUÁREZ MEX JOE GIBBS TOYOTA +2.164  
7 48 JIMMIE JOHNSON EUA HENDRICK CHEVROLET +2.337  
8 21 RYAN BLANEY EUA WOOD BROTHERS FORD +2.491  
9 5 KASEY KAHNE EUA HENDRICK CHEVROLET +2.844  
10 42 KYLE LARSON EUA GANASSI CHEVROLET +3.234  
11 20 MATT KENSETH EUA JOE GIBBS TOYOTA +3.305  
12 88 DALE EARNHARDT JR. EUA HENDRICK CHEVROLET +3.423  
13 17 RICKY STENHOUSE JR. EUA ROUSH FENWAY FORD +3.773  
14 6 TREVOR BAYNE EUA ROUSH FENWAY FORD +3.974  
15 2 BRAD KESELOWSKI EUA PENSKE FORD +4.055  
16 3 AUSTIN DILLON EUA RICHARD CHILDRESS CHEVROLET +4.122  
17 77 ERIK JONES EUA FURNITURE ROW TOYOTA +4.535  
18 37 CHRIS BUESCHER EUA JTG DAUGHERTY CHEVROLET +4.605  
19 27 PAUL MENARD EUA RICHARD CHILDRESS CHEVROLET +4.686  
20 47 AJ ALLMENDINGER EUA JTG DAUGHERTY CHEVROLET +4.756  
21 13 TY DILLON EUA GERMAIN CHEVROLET +4.789  
22 41 KURT BUSCH EUA STEWART-HAAS FORD +5.008  
23 32 MATT DIBENEDETTO EUA GO F A S FORD +5.136  
24 43 ARIC ALMIROLA EUA RICHARD PETTY FORD +5.200  
25 34 LANDON CASSILL EUA FRONT ROW FORD +1 volta  
26 22 JOEY LOGANO EUA PENSKE FORD +2 voltas  
27 14 CLINT BOWYER EUA STEWART-HAAS FORD +2 voltas  
28 23 COREY LAJOIE EUA BK TOYOTA +4 voltas  
29 18 KYLE BUSCH EUA JOE GIBBS TOYOTA +6 voltas  
30 33 JEFFREY EARNHARDT EUA CIRCLE SPORT CHEVROLET +7 voltas  
31 15 REED SORENSON EUA PREMIUM TOYOTA +7 voltas  
32 51 BJ McLEOD EUA RICK WARE RACING CHEVROLET +11 voltas  
33 66 TIMMY HILL EUA MBM CHEVROLET +11 voltas  
34 72 COLE WHITT EUA TRISTAR CHEVROLET +42 voltas NC
35 95 MICHAEL McDOWELL EUA LEAVINE CHEVROLET +44 voltas NC
36 55 GRAY GAULDING EUA PREMIUM TOYOTA +70 voltas NC
37 38 DAVID RAGAN EUA FRONT ROW FORD +74 voltas NC
38 10 DANICA PATRICK EUA STEWART-HAAS FORD +74 voltas NC
39 83 BRETT MOFFITT EUA BK TOYOTA +248 voltas NC
40 31 RYAN NEWMAN EUA RICHARD CHILDRESS CHEVROLET +294 voltas NC

HÁ ESPERANÇA?

MESMO COM RESULTADO RUIM, VETTEL GANHA FORÇA NA MALÁSIA