Nascar
11/06/2018 08:40

Bowyer aposta em estratégia de pneus, supera Harvick e vence etapa de Michigan interrompida pela chuva

Clint Bowyer já estava sofrendo para segurar Kevin Harvick quando a chuva começou a cair em Michigan. Foi um alívio para o #14, que fez a estratégia de trocar apenas dois pneus funcionar para alcançar o segundo triunfo de 2018
Warm Up / Redação GP,  de Porto Alegre
 Clint Bowyer venceu em Michigan (Foto: Nascar Media)

Tudo deu certo para Clint Bowyer neste domingo (10). O piloto do carro #14, que vinha pouco chamativo ao longo do dia em Michigan, cresceu no fim ao fazer uma estratégia de pneus funcionar – ao antecipar uma parada e trocar apenas dois pneus, Bowyer ganhou posição de pista e virou líder. Mas ainda faltava uma coisa – um pouco de sorte. Quando já estava difícil segurar Kevin Harvick, segundo colocado, a chuva caiu com força e levou ao encerramento da corrida.
 
Bowyer teve dificuldades até mesmo para segurar Harvick por poucas voltas. O campeão da Nascar tinha quatro pneus novos, enquanto o líder da prova tinha dois. Quando Kevin ensaiava uma manobra, a água começou a cair com certa força na reta oposta do oval de Michigan. A previsão climática pessimista e o anoitecer próximo impediram que a prova recomeçasse após 133 giros.
Clint Bowyer venceu em Michigan (Foto: Nascar Media)

Kurt Busch apareceu em terceiro no momento da bandeira vermelha, alcançando um inédito 1-2-3 para a Stewart-Haas. Kyle Busch e Paul Menard, respectivamente quarto e quinto, completaram o top-5.
 
Kyle Larson, que vinha de três vitórias seguidas em Michigan e tentava igualar o recorde de Bill Elliott de quatro em sequência, teve um dia decepcionante. O #42 apareceu no top-5 na maior parte do dia, mas rodou no fim e terminou em 28º.
 
Esta foi a segunda vitória de Bowyer na temporada 2018, a primeira sendo em Martinsville. O #14 já está assegurado nos playoffs e agora começa a somar a acumular pontuação extra para a fase decisiva do campeonato.