MotoGP

Lorenzo reforça elogios a Rossi após GP da Malásia: “Os problemas que tivemos são outra história”

Jorge Lorenzo não vê estranhamento nos elogios feitos a Valentino Rossi após o GP da Malásia. Dizendo que o italiano o impressionou em Sepang, o titular da Ducati afirmou que é preciso elogiar quando um piloto faz uma boa disputa, independente do que tenham vivido no passado
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Valentino Rossi caiu com quatro voltas para o fim (Foto: Reprodução)
Jorge Lorenzo aproveitou para reforçar todos os elogios feitos a Valentino Rossi. Durante o Salão da Moto de Milão, o espanhol afirmou que apesar dos problemas que teve com o italiano no passado, era necessário reconhecer o grande desempenho em Sepang.
 
O titular da Yamaha vinha fazendo excelente disputa na Malásia, pulando para a ponta ainda na largada e se mantendo na primeira colocação por grande parte das voltas. Entretanto, com poucas voltas para o fim, acabou caindo e entregando a vitória para Marc Márquez.
 
Mesmo com o pequeno deslize do #46, o #99 não deixou de elogiar a performance do nove vezes campeão pelo Twitter, dizendo que ficou impressionado com o ritmo e que “Fora a queda, nunca vi Valentino Rossi tão consistente”. Rossi chegou a agradecer.
Jorge Lorenzo e Valentino Rossi (Foto: Yamaha)
Entretanto, o comentário foi encarado com um pouco de estranheza, afinal, os dois pilotos não se davam bem quando dividiam os boxes. “As pessoas não devem se surpreender quando alguém faz um cumprimento, independentemente das coisas que aconteceram no passado”, afirmou.
 
“Deve ser honesto, e quando vê que um rival fez uma corrida espetacular como a sua na Malásia, mesmo que tenha caído, deve elogiar. Os problemas que tivemos no passado são outra história”, continuou.
 
“Sou uma pessoa que sempre disse o que pensa, digo a verdade sem ser hipócrita. A constância que Valentino demonstrou foi incrível, em uma pista tão grande como Sepang e em um calor infernal, fazer 10 a 15 voltas no mesmo décimo é algo especial. Teve a má sorte de cair, mas senti que deveria elogiar a corrida que havia feito até aquele momento”, encerrou.
 
Enquanto a relação de Lorenzo com Valentino parece começar a entrar nos eixos, o espanhol com Dovizioso estão piores do que nunca, com uma nova troca de declarações e mais uma vez a Ducati pensando em intervir