Kart

Scuderia GP mostra satisfação com desempenho após 4 horas de 500 Milhas. Na frente, Barrichello Hero volta a liderar

O primeiro quarto de corrida na Granja Viana teve três pilotos da Scuderia GP na pista. Apesar de alguns problemas, eles demonstraram felicidade com o desempenho até aqui
Warm Up, da Granja Viana / FELIPE NORONHA, da Granja Viana / NATHALIA DE VIVO, da Granja Viana
 Alicio Del Nero (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

A Scuderia GP vai consolidando desempenho satisfatório dentro das primeiras quatro horas das 500 Milhas de Kart na Granja Viana, neste sábado (16). A equipe tem conseguido entrar na lista de 30 primerios no geral, enquanto segue brigando pelo pódio na categoria Thunder Light.

Três pilotos já foram à pista: Allyson Nazario, Alicio del Nero e Gustavo Ariel. Apesar da equipe ter sofrido alguns problemas, como punição por falta de peso e vazamento de combustível, tem se mantido na briga.

Del Nero explicou o problema da equipe, mas mostrou bastante otimismo com o restante da prova. "Peguei muito calor, então o pneu desgastou bem, a pista estava muito escorregadia. A gente acabou tendo problema com o combustível, acho que a tampa não estava bem fechada, vazou combustível na minha perna, então avisei a equipe. Quando a gente voltou, tinha 400g a menos".

"Mas muitas equipes da nossa categoria tiveram problema também, mas acho que a gente tá na briga do pódio pelo menos. O kart realmente melhorou de ontem para hoje, para largar a gente já sentiu que já largou melhor".
Gustavo Ariel (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Com a expectativa de chuva na Granja Viana, a Scuderia mudou sua estratégia: Ariel deixou o carro 25 minutos mais cedo do que  esperado para que os pneus fossem trocados para laranja e Alfredo Salvaia conduzisse o kart #44 em condições nas quais demonstrou bom preparo. 

Gustavo também falou sobre sua perna, e como a troca para novos pneus irá ajudar o ritmo da equipe. "O pneu acabou, a cada cinco voltas piorava muito, mas acho que consegui manter um ritmo constante. Acho que estamos competitivos, e agora com o novo pneu, vamos ser muito mais rápidos e ser mais competitivos".

Na Thunder Light, a Scuderia acabou a quarta hora na quinta colocação.

Na corrida  geral, a liderança voltou a ser do #71 da Barrichello Hero, que estava na frente após duas horas. Foi a hora com menos emoção da corrida, mas também a em que ocorreu a primeira exclusão da prova.

Rubens Barrichello foi o responsável por recuperar a liderança para sua equipe. Thiago Riberi mantém a Medina Motorsports na briga, na segunda colocação, seguido por Marcos Gomes, da Matrix.
EM BUSCA DO SONHO DA F1

PIETRO FITTIPALDI REVELA QUE NEGOCIOU COM A SAUBER PARA 2018