Kart

Academia Shell Racing domina pódio e vence em duas categorias na abertura do Torneio de Inverno da Copa SP de Kart

Com a participação especial de Gaetano di Mauro, tetracampeão brasileiro da classe Shifter, a Academia Shell Racing foi reforçada para a disputa da quarta etapa da Copa SP Light de Kart da Granja Viana neste fim de semana que marcou também a abertura do Torneio de Inverno. Di Mauro e Gabriel Crepaldi venceram duas corridas cada. Felipe Baptista e Bernardo Gentil também foram ao pódio
Warm Up / Redação GP, de Londrina
 Gabriel Crepaldi é mais líder do que nunca na classe Júnior da Copa SP de Kart (Foto: Bruno Gorski)

Na preparação para o Brasileiro de Kart, que acontece em julho na Granja Viana, a Academia Shell Racing foi reforçada para a disputa da quarta etapa da Copa SP de Kart neste fim de semana, também no icônico kartódromo localizado em Cotia. Entre sexta-feira e sábado (4 e 5 de maio), quatro pilotos do maior projeto de desenvolvimento de talentos do automobilismo brasileiro fizeram parte da disputa. E todos levaram ao menos um pódio para casa. Destaque para Gabriel Crepaldi, dono de duas vitórias e mais líder do que nunca na classe Júnior, e Gaetano di Mauro. O tetracampeão brasileiro da Shifter correu neste fim de semana em meio à participação na Porsche Carrera Cup e fez bonito, vencendo as duas provas da categoria que o consagrou no kartismo nacional.
 
Campeão brasileiro na Sudam Júnior em 2017, Felipe Baptista também teve um fim de semana de bons resultados ao subir ao pódio em segundo lugar nas duas baterias do fim de semana na classe Graduados, resultado que o manteve na liderança do campeonato. E na classe Mirim, Bernardo Gentil, o caçula da Academia Shell Racing em 2018, faturou mais uma taça na temporada ao marcar o segundo lugar na primeira bateria.
Gabriel Crepaldi é mais líder do que nunca na classe Júnior da Copa SP de Kart (Foto: Bruno Gorski)
No fim das contas, o balanço é bastante positivo levando em conta que a principal competição do kartismo brasileiro se aproxima.
 
Gabriel Crepaldi, de apenas 13 anos, vai se consolidando a cada dia como um grande talento desta novíssima geração de pilotos brasileiros. Na primeira bateria da quarta etapa da Copa SP de Kart, o jovem piloto largou em segundo, mas caiu para quinto. Contudo, Crepaldi passou um a um seus oponentes e venceu de forma dominante. E na segunda bateria, realizada no sábado, Gabriel largou na frente e jamais foi ameaçado, completando um fim de semana 100%. De quebra, garantiu classificação para o Brasileiro de Kart na classe Codasur Júnior.
 
Mesmo com uma jornada praticamente perfeita, Crepaldi se mostrou bastante humilde ao reconhecer que não foi fácil sair da Granja Viana com mais duas vitórias no campeonato. “A corrida foi muito difícil. Desde a primeira volta eu sofri uma pressão muito grande do segundo colocado. Foi complicado defender a posição, mas consegui. Estou muito feliz. Foi um fim de semana ótimo. Consegui a vaga para o Brasileiro Codasur Júnior e vou para a disputa do playoff em primeiro lugar”, disse.
Felipe Baptista teve uma jornada positiva neste fim de semana (Foto: Jackson de Souza)
Na Graduados, Felipe Baptista conseguiu manter a dianteira do campeonato com dois segundos lugares. Na primeira bateria, o piloto de 15 anos largou em terceiro e em seguida subiu uma posição, onde seguiu até a bandeirada final. Já na segunda disputa, Baptista largou em segundo e tomou a liderança já na primeira curva, mas sofreu forte pressão do seu adversário e foi superado na parte final da prova. Ainda assim, Felipe marcou outro pódio no fim de semana. O piloto também se garantiu no Brasileiro de Kart na classe OK.
 
“Larguei bem, consegui assumir a ponta e liderar boa parte da corrida. Mas meu adversário vinha muito rápido e conseguiu me ultrapassar. Mas estou feliz, consegui a vaga para o Brasileiro de OK e manter a liderança do campeonato. Foi bom”, destacou.
Bernardo Gentil foi ao pódio com o segundo lugar na primeira bateria em Cotia (Foto: Bruno Gorski)
Bernardo Gentil segue seu processo de desenvolvimento na classe Mirim. Na primeira bateria, o piloto lutou pela vitória durante toda a prova, chegou a liderar algumas voltas e terminou em segundo lugar. Já no sábado, o caçula da Academia Shell Racing largou também em P2, caiu para terceiro após a largada, mas reagiu e assumiu a liderança com três voltas para o fim. Entretanto, no giro seguinte, Gentil foi tocado por um adversário nada gentil e caiu para a quarta posição, na qual cruzou a linha de chegada.
 
“Foi uma corrida muito boa”, avaliou Bernardo. “Mantive a terceira posição por boa parte da prova. Faltando quatro voltas, resolvi atacar e assumi a primeira posição, mas fui tocado na curva três, perdi tração e terminei em quarto”, explicou o piloto de oito anos.
Gaetano di Mauro teve um fim de semana perfeito na Shifter na Granja Viana (Foto: Divulgação)
Por fim, destaque para Gaetano di Mauro. Atualmente, o piloto de 20 anos disputa regularmente a Porsche Carrera Cup na classe 3.8, como parte do Junior Program, programa de desenvolvimento de pilotos da montadora alemã. Tetracampeão brasileiro na Shifter, Gaetano mostrou porque é o melhor piloto do país há tempos nos karts com marcha.
 
Na primeira bateria, Gaetano largou na frente e dominou, vencendo com folga de mais de 5s. Já na segunda corrida, novamente Di Mauro foi perfeito com outro triunfo de ponta a ponta. Uma dupla vitória que dá moral para a retomada da temporada da Porsche Carrera Cup com a disputa da rodada dupla de Interlagos, já no próximo fim de semana.
 
“Estou muito feliz em poder acelerar novamente na Shifter e conquistar essa vitória para a Academia Shell Racing. Com certeza, vou chegar ainda mais preparado para a corrida da Porsche, semana que vem”, concluiu.
QUEM É MAIS CULPADO?

PADDOCK GP DISCUTE BATIDA DE RICCIARDO E VERSTAPPEN EM BAKU