Indy

VÍDEO: Em processo de reabilitação, Wickens mostra alegria e já faz pequenos movimentos com pernas

Robert Wickens apareceu com mais um vídeo de sua recuperação. O canadense, que sofreu um grave acidente em agosto em Pocono, já consegue fazer, de vez em quando, pequenos movimentos com as pernas sem precisar dos estímulos
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Robert Wickens em Iowa (Foto: IndyCar)
Robert Wickens segue em seu processo de recuperação após o grave acidente sofrido nas 500 Milhas de Pocono no final de semana de 19 de agosto. Nesta segunda-feira (22), a Indy postou em sua conta no Twitter um vídeo com o canadense na fisioterapia e mexendo levemente as pernas.
 
Não é a primeira vez que Wickens aparece movimentando as pernas - área mais afetada das muitas comprometidas no acidente -, mas, da outra vez, Robert estava recebendo estímulos de eletrodos para poder simular uma caminhada de cerca de 3 km. 
 
A lista de lesões sofridas por Wickens divulgada pela Schmidt Peterson foi: fratura na coluna vertebral torácica, lesão na medula espinhal, fratura no pescoço, fratura na tíbia e na fíbula das duas pernas, fratura nas duas mãos, fratura no antebraço direito, no cotovelo, quatro costelas fraturadas e uma contusão pulmonar.
 
A recuperação física é parte importante do processo de recuperação de um piloto que prometeu o retorno às pistas. Mesmo consciente de que ainda existe um “longo caminho” antes de voltar a representar a SPM nas pistas, o piloto prometeu “se esforçar e treinar muito”.
Robert Wickens fez fisioterapia e recebeu estímulos elétricos nas pernas em Indianápolis (Foto: Reprodução)
A lista de lesões e fraturas de Wickens após a forte pancada em Pocono é extensa. O piloto fraturou o pescoço e precisou de cirurgias tanto nas mãos quanto nos pés. O impacto deixou o titular do carro #6 fora de combate nas últimas corridas de 2018, sendo substituído por Carlos Muñoz – mesmo assim, o título de estreante do ano foi alcançado. Tanto Robert quanto Schmidt Peterson ainda não anunciaram qualquer plano para 2019.

Apesar de perder as últimas corridas da temporada, Wickens levou, com sobras, o título de novato do ano. O canadense anotou 391 pontos, 78 a mais que Zach Veach e 138 a mais que Matheus Leist.