FE

'Dono' da pré-temporada, Da Costa crava primeira pole do ano em classificação caótica na Arábia

Com todo o problema para trás, o treino classificatório com formato único e emergencial terminou com António Felix da Costa na liderança de forma contundente. O português e a BMW iniciam o que promete ser um ano positivo para ambos
Warm Up / PEDRO HENRIQUE MARUM, do Rio de Janeiro
Tudo que aconteceu de adverso ao longo da manhã da Fórmula E na Arábia Saudita, neste sábado (15), obrigou a FIA a mudar o formato da classificação em edição especial. Mas o esquema não ficou claro ou simples para todo mundo. Com dois grupos de 15 minutos e sem Superpole, a confusão custou caro para Tom Dillmann e duas batidas tornaram a segunda chave de pilotos caótica. Mas António Felix da Costa, tão falado após liderar os tempos na pré-temporada, foi quem dominou também a classificação. O piloto português cravou uma inapelável volta em 1min17s728 e confirmou a pole-position.

Da Costa foi para a pista ainda no primeiro grupo, quando a pista ainda estava bastante molhada. Mas antes dele, um momento digno de nota: a NIO não entendeu que apesar do tempo de sobra, os pilotos, como de costume, estavam permitidos a dar apenas uma volta de preparação e uma volta rápida. Desta forma, a equipe liberou Tom Dillmann para desfilar pela pista como se fosse um treino livre. No fim, o francês até anotou uma ótima volta - que rendeu o segundo posto, único que acompanhou Da Costa na casa de 1min17s -, mas a expectativa é que ele tenha toda a participação apagada como forma de punição. 

Como a exclusão de Dillmann ainda não é oficial, José María López ficou apenas no terceiro lugar. Sébastien Buemi, Stoffel Vandoorne, Sam Bird, Jean-Éric Vergne, Robin Frijns, Jérôme D'Ambrosio e André Lotterer formaram o top-10.
António Félix da Costa (Foto: BMW)
A maior parte do caos estava estocada para o segundo grupo. Bem no meio das voltas rápidas, Max Günther parou na pista e obrigou a chamada de uma bandeira vermelha que perdurou por mais de dez minutos. Quando, já nos segundos finais, os últimos pilotos atacavam o relógio, Felix Rosenqvist bateu e, embora não tenha havido uma bandeira vermelha oficial, os fiscais acionaram de forma localizada, na frente da batida. Nelsinho Piquet, Felipe Massa e Alexander Sims acabaram atrapalhados por isso. Massa é 19º, enquanto Piquet parte em 20º.

A largada está marcada para as 10h05 (de Brasília).

Confira como foi a classificação:
Sam Bird (Foto: Virgin)
Grupo 1 - Dillmann mete o louco, e Da Costa domina
 
O treino classificatório na Arábia Saudita tinha começou com regras diferentes dos demais por conta de tudo que aconteceu. Dois grupos, cada um com 11 pilotos e 15 minutos, sem Superpole. Para os pilotos, entretanto, as regras eram iguais: uma volta de preparação, outra rápida. 
 
Assim que a bandeira verde entrou em ação, Tom Dillmann foi para a pista. O piloto francês começou a dar uma sequência de voltas completamente fora das regras da Fórmula E. 
 
Os demais pilotos preferiram esperar a pista secar até que o relógio apontasse 4min30 restantes. E então, nessa pequena janela de tempo, os outros dez partiram para a pista. 
 
O campeão Jean-Éric Vergne foi o primeiro a anotar volta pós-Mortara, mas o francês foi escapando pela pista tentando tirar o máximo e terminou atrás inclusive de Dillmann.
 
Conforme as voltas foram empilhando, António Félix da Costa foi quem superou Dillmann e pulou para a ponta com 1min17s728. José María López misturou tudo com a Dragon em terceiro. 
 
Sébastien Buemi, Sam Bird e Vergne ainda ficaram, como López, na casa de 1min18s. Robin Frijns e Jérôme D'Ambrosio vieram na sequência, enquanto Lucas Di Grassi apareceu no que foi um treino assustador para a Audim apenas nono. Daniel Abt? Com uma volta de 1min20s385, 11º e último. Entre os dois, Edoardo Mortara.
Felix Rosenqvist bateu no treino (Foto: Reprodução/Twitter)
Grupo 2 - Duas bandeiras vermelhas e nenhum desafio ao líder

Com pouco mais de 11 minutos para o fim do treino, Gary Paffett foi o primeiro a sair. O atual campeão da BMW não foi muito bem comparado ao que havia acontecido com o companheiro antes, no TL. 
 
Oliver Rowland e Oliver Turvey completaram a volta quase juntos e com um tempo extremamente parecido. O próximo foi Vandoorne, que pulou para a quinta colocação.
 
Ainda restava uma lista de sete pilotos para completar as voltas rápidas em menos de quatro minutos, quando Max Günther parou na pista com algum problema. Bandeira vermelha, claro, e tempo para a pista secar mais um pouco. 
 
Nelsinho Piquet, Felipe Massa, Mitch Evans, Alexander Sims e Felix Rosenqvist eram os pilotos ainda não haviam completado volta, enquanto André Lotterer estava no meio do giro rápido. Por conta da bandeira vermelha, foi permitido a refazer. 
 
Depois de bons dez minutos, bandeira verde e Lotterer volta a tentar cravar a volta. O alemão conseguiu o décimo posto apenas, enquanto Mitch Evans completou em 12º. 
 
O segundo grupo não terminaria sem um novo problema, entretanto. Felix Rosenqvist arrastou no muro e ficou batido perto do fim da volta, o que atrasou as voltas rápidas do restante do pelotão. Sims foi apenas 17º, enquanto Massa ficou com o 19º posto e Piquet fechou em 20º.

Fórmula E, Temporada 2018/19, eP da Arábia Saudita, Grid de largada:

1 ANTÓNIO FÉLIX DA COSTA POR BMW 1:17.728  
2 TOM DILLMANN FRA NIO 1:17.893 +0.165
3 JOSÉ MARÍA LÓPEZ ARG DRAGON PENSKE 1:18.113 +0.385
4 SÉBASTIEN BUEMI SUI NISSAN 1:18.269 +0.541
5 STOFFEL VANDOORNE BEL HWA VENTURI 1:18.490 +0.762
6 SAM BIRD ING VIRGIN AUDI 1:18.511 +0.783
7 JEAN-ÉRIC VERGNE FRA TECHEETAH DS 1:18.571 +0.843
8 ROBIN FRIJNS HOL VIRGIN AUDI 1:19.036 +1.308
9 JÉRÔME D'AMBROSIO BEL MAHINDRA 1:19.077 +1.349
10 ANDRÉ LOTTERER ALE TECHEETAH DS 1:19.317 +1.589
11 LUCAS DI GRASSI BRA AUDI 1:19.527 +1.799
12 MITCH EVANS NZL JAGUAR 1:19.712 +1.984
13 OLIVER ROWLAND ING NISSAN 1:19.755 +2.027
14 OLIVER TURVEY ING NIO 1:19.912 +2.184
15 GARY PAFFETT ING HWA VENTURI 1:19.929 +2.201
16 EDOARDO MORTARA SUI VENTURI 1:20.330 +2.602
17 ALEXANDER SIMS ING BMW 1:20.367 +2.639
18 DANIEL ABT ALE AUDI 1:20.385 +2.657
19 FELIPE MASSA BRA VENTURI 1:20.407 +2.679
20 NELSINHO PIQUET BRA JAGUAR 1:21.489 +3.761
21 MAXIMILIAN GÜNTHER ALE DRAGON PENSKE 1:21.883 +4.155
22 FELIX ROSENQVIST SUE MAHINDRA 1:23.037 +5.309