F3
11/09/2017 18:53

Terceiro em 2016, Sette Câmara reencontra Motopark e garante participação no GP de Macau de 2017

Sérgio Sette Câmara vai para a terceira participação no GP de Macau em 2017. O mineiro assinou com a Motopark, equipe que defendeu em 2015 e pela qual cravou o recorde do circuito
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Sérgio Sette Câmara vai guiar novamente em Macau (Foto: Motopark)

Sérgio Sette Câmara vai disputar pela terceira vez o GP de Macau em 2017. O mineiro de 19 anos assinou com a Motopark, equipe pela qual guiou na corrida de 2015 e com quem esteve em 2015 e 2016 na F3 Europeia.
 
O mineiro defende um ótimo terceiro lugar conquistado na tradicional corrida de rua asiática de 2016 com a Carlin, mas em 2015 também conseguiu se destacar, estabelecendo o que ainda é até hoje o recorde do circuito que recebe a 'Copa do Mundo da F3'.
 
"Macau é a minha pista preferida no mundo. Trechos muito sinuosos e travados são cortados pela enorme reta onde os carros da F3 chegam a mais de 270 km/h. É uma corrida extremamente excitante e me traz excelentes memórias. Fiquei muito feliz com o convite da Motopark e da Vebet.com. Farei o máximo para retribuir a confiança em meu trabalho com o melhor resultado possível na pista”, disse o brasileiro.
Sérgio Sette Câmara vai guiar novamente em Macau (Foto: Motopark)
Timo Rumpfkeil, chefe da equipe, ressaltou a experiência do piloto mineiro na pista e lembrou o fato de Sérgio ter o recorde do circuito em Macau.
 
"Nós estamos realmente motivados com estas importantes parcerias para o GP de Macau. Com o patrocínio da Vebet.com conseguimos trazer o Sette Câmara para nos ajudar na busca por esta importante conquista. Ele esteve no pódio da Copa do Mundo no ano passado e, também, é o atual recordista do circuito. Estou confiante que ele deixará nosso time ainda mais forte para as disputas deste ano”, comentou.
 
Depois de um começo de 2017 muito complicado com a MP na F2, Sette Câmara cresceu na segunda metade do campeonato e já briga para entrar no top-10 da classificação geral após a vitória na corrida 2 da Bélgica e o segundo lugar na prova complementar em Monza.
 
HAMILTON FAZ DEVER DE CASA E JOGA BOLA PARA VETTEL. QUE TEM OBRIGAÇÃO DE VENCER EM SINGAPURA