F3

Daruvala toma ponta na largada e domina terceira corrida do fim de semana da F3 Euro em Norisring

Jehan Daruvala largou na segunda colocação, mas deixou Maximilian Günther para trás rapidamente e controlou a prova. Foi a primeira vitória do afilhado da Force India na F3 Euro. Pedro Piquet e Mick Schumacher bateram um no outro
Warm Up / Redação GP, do Rio de Janeiro
 O pódio da corrida 3 em Norisring (Foto: Reprodução/Twitter)

A terceira e última corrida do fim de semana da F3 Europeia em Norisring, neste domingo (2), teve um novo vencedor. Jehan Daruvala, piloto de desenvolvimento da Force India, largou na segunda colocação e pulou para a frente de Maximilian Günther logo na largada. Daruvala não conseguiu abrir grande vantagem, mas também não sofreu grandes ataques e caminhou para ganhar.
 
"Tive um bom tempo de reação na largada e consegui passar Maxi", avaliou o vencedor Daruvala. "As primeiras voltas foram muito boas, deu para abrir um pouco, mas eu fui conservador na bandeira amarela de pista inteira e Maxi me alcançou. O carro estava ótimo depois disso, e eu controlei daí em diante. Estava sob pressão, mas tentei tomar boas linhas e não errar", seguiu.
 
A bandeira amarela citada por Daruvala foi causada por uma batida entre Pedro Piquet e Mick Schumacher na volta seis. Günther encostou, então, e passou a acompanhar relativamente de perto.  Depois, outra amarela de pista inteira foi acionada quando Tadasuke Marino abalroou Harrison Newey na curva um e tocou o muro.
 
Ainda restavam 24 voltas, nas quais Günther espaço suficiente para um ataque que nunca chegou. A briga pelo terceiro lugar foi mais interessante. Ralf Aron, Jake Hughes, Ferdinand Habsburg e Lando Norris estavam em contenção. 
Jehan Daruvala (Foto: Reprodução/Twitter)
Originalmente, Norris, vencedor da corrida dois, era o último do grupo, mas logo passou Habsburg e Hughes. Tentou atacar Aron, mas abriu espaço para Hughes tentar o troco. No fim, Norris conseguiu não ser ultrapassado e ainda mergulhar para deixar Aron para trás numa manobra da curva um. Aron fechou, de fato, em quarto. Hughes foi quinto, seguido por David Backmann, Joel Eriksson, Habsburg, Callum Ilott e Nikita Mazepin.
 
Günther lidera o campeonato com 236 pontos contra 202 de Eriksson, que não teve bom fim de semana. Ainda com três dígitos, estão Norris, Ilott e Daruvala, respectivamente com 198, 166 e 106 tentos. O campeonato continua nos dias 28 e 29 de julho com a etapa de Spa-Francorchamps.

POLÊMICA MOSTRA QUE VETTEL PISOU NA BOLA E HAMILTON FOI MALANDRO EM BAKU