F3

Berger vê semelhanças entre Mick e Michael Schumacher e diz: “Provou ter o gene de piloto do pai”

Gerhard Berger está bem empolgado com Mick Schumacher. Hoje chefe do DTM, o ex-piloto que competiu com Michael Schumacher vê muito do pai no filho, inclusive o gene de piloto vencedor
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Mick Schumacher venceu em Spa-Francorchamps (Foto: Divulgação/F3 Europeia)
Gerhard Berger conhece bem a história de Michael Schumacher e, agora, acompanha de perto os primeiros passos de Mick, filho do heptacampeão. Ex-piloto da F1 na época do pai e hoje chefe do DTM - que corre junto com a F3 Europeia -, o austríaco elencou várias semelhanças entre os alemães e se empolgou com o título conquistado por Mick 28 anos depois da taça que Michael levantou antes de chegar à principal categoria do esporte a motor.
 
Berger começou festejando o feito de Mick e torcendo pela recuperação de Michael, que segue com a situação sem novidades desde que foi para casa após meses de internação pelo acidente de esqui. 
Gerhard Berger aposta em Mick Schumacher (Foto: GEPA pictures/ Matic Klansek)
"Claro que estou feliz por Mick. Ele mostrou seu valor e conquistou o título com antecedência indo ao pódio. Mas também estou feliz por Michael e desejando muito que ele consiga ver conosco a carreira do Mick ir para frente", disse o austríaco.
 
Para o austríaco, as semelhanças entre pai e filho vão bem além das características físicas. Berger gostou bastante do que viu de Mick em 2018.
 
"O Mick não só lembra seu pai fisicamente, não só tem a mesma postura ou caminha do mesmo jeito, vai bem além e eu notei isso. Principalmente nessas últimas semanas, ele provou ter o gene de piloto do Michael. Se continuar assim, a carreira dele vai seguir para a F1", completou.