F2

De Vries sobra na Bélgica e marca primeira pole na F2. Sette Câmara larga em terceiro

Nyck de Vries garantiu sua primeira pole-position na categoria de acesso à F1. O holandês sobrou perante a concorrência no treino classificatório para a corrida 1 da etapa da Bélgica. Sergio Sette Câmara manteve a boa forma exibida no treino livre e vai abrir a segunda fila

Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 
Nyck de Vries foi o grande nome do dia que reabriu os trabalhos da temporada 2018 da F2 nesta sexta-feira (24). Quase em casa, em Spa-Francorchamps, o holandês da Prema liderou o único treino livre do fim de semana e, horas mais tarde, assegurou a pole-position para a corrida 1 da etapa belga. Com grande performance, o piloto membro do programa de desenvolvimento da McLaren cravou 1min56s054. O tempo foi 0s403 mais rápido em relação ao segundo colocado, George Russell, o atual líder do campeonato. 
 
E Sergio Sette Câmara, que foi apenas 0s010 mais lento que De Vries no treino livre pela manhã, vai abrir a segunda fila do grid de largada no circuito que foi o palco da sua primeira e única vitória na F2, conquistada em 2017.
 
Apesar da grande diferença perante os adversários, De Vries não teve uma jornada verdadeiramente fácil na classificação. Isso porque o holandês perdeu seu primeiro tempo de volta por ter excedido os limites da pista na curva 4, assim como aconteceu com Russell. 
Nyck de Vries dominou os trabalhos desta sexta-feira em Spa-Francorchamps (Foto: FIA F2)
Em seguida, o britânico cravou 1min56s507, um tempo bom o bastante para colocá-lo na pole provisória, enquanto Lando Norris aparecia em segundo e Sette Câmara fechava a lista dos três primeiros com o carro da Carlin.
 
Até que, no fim da sessão, De Vries provou o melhor desempenho no treino livre e cravou uma volta arrasadora, deixando Russell para trás. O protegido da Mercedes até conseguiu melhorar seu tempo e passou na última volta em 1min56s457, mas ainda assim distante de alcançar o piloto da Prema. Também no fim, Sette Câmara se reafirmou em terceiro lugar no grid de largada.
 
Na última tentativa de volta rápida, Luca Ghiotto foi capaz de desbancar Norris do quarto lugar, rebaixando o britânico, que acelerou pela McLaren no lugar de Fernando Alonso no primeiro treino livre do GP da Bélgica de F1, à quinta posição do grid. Para piorar, Lando enfrentou problemas com seu nos segundos finais e ficou parado na pista, não sendo possível melhorar seu tempo de volta e sua posição no grid.
Sérgio Sette Câmara comprovou a boa performance em Spa e vai largar em terceiro (Foto: FIA Fórmula 2)
Alexander Albon, que pleiteia uma vaga como titular da Toro Rosso na próxima temporada, assegurou a sexta colocação do grid com o carro #5 da Dams, enquanto Antonio Fuoco, da Charouz, e Nirei Fukuzumi, da Arden, vão compor a quarta fila da corrida 1 em Spa. Louis Delétraz, companheiro de equipe de Fuoco, e Artem Markelov, da Russian Time, completam a lista dos dez melhores posicionados no grid.
 
Já o estreante do fim de semana, Dorian Boccolacci, oriundo da F2, teve as naturais dificuldades na transição com o carro da F2. O piloto francês, que substitui Roberto Merhi no carro da MP Motorsport, vai fechar o grid depois de ter marcado o 20º e último tempo: 1min58s338, 2s284 atrás de De Vries.

A corrida 1 da F2 em Spa-Francorchamps tem largada prevista para 11h45 (horário de Brasília) e vai contar com transmissão ao vivo dos canais SporTV 2 e Fox Sports 2.