F2
30/06/2018 12:54

Com paciência após parada prematura, Russell vence corrida 1 na Áustria. Sette Câmara sofre com erro da Carlin e é 6º

A primeira corrida do fim de semana da F2 na Áustria terminou com começou: com George Russell na liderança. O inglês da ART precisou ter paciência e mostrou muita velocidade enquanto isso. A briga pelo título está embolada agora
Warm Up / PEDRO HENRIQUE MARUM,  do Rio de Janeiro
 _56I6484

George Russell não conseguiu vencer de ponta a ponta como em Paul Ricard, mas, neste sábado (30), dominou a primeira corrida do fim de semana da F2 na Áustria e jamais pareceu que perderia. O piloto inglês largou bem, se mantinha com tranquilidade em vantagem e escolher ir para os boxes após uma intervenção do safety-car. Quando voltou, precisou esperar e foi retomando o controle aos poucos.

Atrás de um trio de pilotos que resolveu não parar nos boxes naquele momento, mas teria que fazer a parada depois, Russell era o líder de verdade da prova. O que não quer dizer, só por isso, que seria tranquilo. Lando Norris era o segundo colocado real, mas perdeu duas posições que teve de recuperar mais tarde. Em meio a uma prova de muitas ultrapassagens, Russell se afastou e nunca correu perigo. 
 
Na segunda colocação, Norris precisou mesmo retomar as posições que ficaram com Roberto Merhi e Maximilian Günther. O piloto espanhol, após partir do 12º lugar, ganhou um ritmo impressionante na sequência do pit-stop. É verdade que Norris passou de volta e ficou em segundo, mas Merhi tinha um pódio nas mãos. Até Antonio Fuoco aparecer do nada nas voltas finais e tomar o terceiro posto, com Merhi em quarto.
 
Alexander Albon ganhou a quinta colocação no final, deixando Sérgio Sette Câmara no sexto posto. O brasileiro vinha em terceiro quando a Carlin fez com que ele ficasse esperando Norris dentro do pit-lane no momento da parada. Caiu para 11º e remou de volta até a sexta colocação.
 
Tadasuke Makino fechou em sétimo, com Artem Markelov em oitavo - será pole amanhã. O russo conseguiu ganhar quatro posições em duas voltas após ser o último a parar nos boxes. Nirei Fukuzumi a Santino Ferrucci fecharam o top-10.

Norris segue na liderança do campeonato, mas agora apenas por dois pontos: 122 a 120 de Russell.
George Russell venceu na Áustria (Foto: Reprodução/Twitter)
Confira como foi a corrida:
 
Na primeira prova com o novo sistema temporário de largadas sob safety-car, George Russell segurou a ponta uma vez que a bandeira verde foi acionada. A ultrapassagem inicial da prova foi de Maximilian Günther em Arjun Maini pelo quinto lugar - e logo Louis Delétraz também passou pelo esquentado Maini. Mais atrás, Luca Ghiotto entrou na zona de pontuação ao deixar para trás Tadasuke Makino.
 
Os três ponteiros, Russell, Lando Norris e Sérgio Sette Câmara, se distanciavam, mas havia boa emoção nas posições imediatamente atrás. Jack Aitken se mantinha em quarto, mas Deletraz e Günther brigavam bem pela quinta colocação, que acabou ficando mesmo com o suíço. Maini, então, ensejou um mergulho para cima de Günther e logo recebeu um ataque de Nyck de Vries. Alexander Albon também colava.
 
O trem foi interrompido quando De Vries errou o momento da freada, travou o pneu de forma incrível e precisou driblar a brita para voltar à pista: mas com pneu furado. Ao mesmo tempo, Ralph Boschung precisou encostar o carro com mais problemas. Com safety-car na pista, quase todos aos boxes.
 
A Carlin fez uma confusão. Com Norris e Sette Câmara colados, fez o brasileiro esperar o fim da troca de pneus do inglês. Assim, o que era uma confortável terceira colocação, virou um 11º lugar sofrido. Sette Câmara voltou tendo que se recuperar e logo iniciou o processo deixando para trás Makino e Albon.
 
Maini, Sean Gelael e Artem Markelov ficaram na pista e assumiram as três primeiras posições momentâneas. Markelov deu o bote para tirar Gelael da frente, mas apenas um golpe de sorte poderia deixa-los na zona de pontuação depois que parassem.
 
Russell, líder real da prova, foi para cima e, sendo o mais rápido na pista, passou Gelael. A direção de prova anunciou que investigaria após a corrida um incidente de liberação insegura dos boxes envolvendo Albon, Günther e Delétraz. Enquanto isso, Aitken e Delétraz brigavam na pista e acabaram juntos passando fora do traçado. Momentos adiante, Aitken parou na pista.
Sérgio Sette Câmara (Foto: FIA Fórmula 2)
Quem ganhava momento era Roberto Merhi. O espanhol passara Sette Câmara e aproveitou a confusão de Aitken e Delétraz para ganhar mais duas colocações. Quem aproveitava o momento também era Günther, que deixou Norris para trás após uma boa e rápida batalha. Quem passou a atacar Norris foi Merhi, que logo conseguiu a ultrapassagem.

Markelov deu o bote em Maini no primeiro lugar, e o ritmo do indiano caía. Russell conseguiu se aproximar e nem encontrou resistência. Na disputa pelo segundo lugar real, Merhi ultrapassou Günther, que logo caiu também para um Norris que voltava a reaparecer a dez voltas do fim. 
 
Merhi ainda passou Gelael e forçou um erro de Maini na sequência, obrigando os dois a enfim pararem nos boxes na volta 32 de 40. Markelov ainda tinha vantagem para Russell e Merhi, mas teria que fazer o pit-stop. Enquanto isso, Delétraz viu sua promissora corrida acabar, com problemas. 

Norris voltou a ganhar ritmo e passou Günther e Merhi. O espanhol, que durante grande parte da prova apresentou um ritmo frenético, ainda caiu para Antonio Fuoco e ficou fora do pódio. O italiano ganhou velocidade no fim e conseguiu atacar as primeiras posições. 
 
Markelov parou na volta 36, voltou com pneus supermacios e na penúltima volta da corrida fez uma manobra incrível na qual passou  Günther, Nicholas Latifi e Santino Ferrucci de uma vez só. Na volta final, passo também Fukuzumi, garantindo o oitavo posto e que parte da liderança no domingo.

F2, GP da Áustria, Spielberg, Corrida 1, Resultado Final:

1 GEORGE RUSSELL ING ART 56:16.865 40 voltas
2 LANDO NORRIS ING CARLIN +5.130  
3 ANTONIO FUOCO ITA CHAROUZ +9.633  
4 ROBERTO MERHI ESP MP +11.795  
5 ALEXANDER ALBON TAI DAMS +14.642  
6 SÉRGIO SETTE CÂMARA BRA CARLIN +16.900  
7 TADASUKE MAKINO JAP RUSSIAN TIME +18.833  
8 ARTEM MARKELOV RUS RUSSIAN TIME +24.689  
9 NIREI FUKUZUMI JAP ARDEN +25.527  
10 SANTINO FERRUCCI EUA TRIDENT +26.585  
11 NICHOLAS LATIFI CAN DAMS +27.406  
12 MAXIMILIAN GÜNTHER ALE ARDEN +29.152  
13 LUCA GHIOTTO ESP CAMPOS +29.484  
14 SEAN GELAEL INA PREMA +37.135  
15 ARJUN MAINI IND TRIDENT +39.354  
16 LOUIS DELÉTRAZ SUI CHAROUZ +8 voltas NC
17 JACK AITKEN ING ART +21 voltas NC
18 NYCK DE VRIES HOL PREMA +33 voltas NC
19 RALPH BOSCHUNG SUI MP +36 voltas NC
20 ROY NISSANY ISR CAMPOS +37 voltas NC