F1

GP às 10: Flavio Gomes relembra história do Lada Laika e como a marca foi parar em um carro de F1

Com mais de 22 milhões de unidades vendidas, o Lada Laika fez história na indústria automobilística mundial. Flavio Gomes relembra a história do modelo e sua própria relação com o carro, como no GP da Hungria de 1991. O jornalista ainda destaca a época em que a montadora russa chegou a estampar sua marca na F1

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
Uma foto fez Flavio Gomes contar, no GP às 10 desta manhã de quinta-feira (21), um pouco da história do Lada Laika, um dos muitos modelos construídos pela fábrica estabelecida na antiga União Soviética. Além de informações históricas do carro, construído na fábrica de Togliatti, como também a marca de mais de 22 milhões de unidades vendidas, o jornalista recorda sua própria história de amor com o Lada Laika, que foi seu carro de corrida por muito tempo nas pistas do Brasil.
 
Gomes relembra também a época em que a Lada chegou a fazer parte, de alguma forma, do Mundial de F1, estampando sua marca nos carros da Renault entre 2010 e 2011, quando a equipe contava com Vitaly Petrov como um dos seus pilotos, além de Robert Kubica, Nick Heidfeld e até Bruno Senna.

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10.