Endurance
25/05/2018 19:08

Chefe da DragonSpeed anuncia fim de investigação sobre acidente de Fittipaldi e confirma equipe nas 24h de Le Mans

Proprietário da equipe de Pietro Fittipaldi no WEC anunciou fim das investigações sobre acidente sofrido pelo piloto na Bélgica. Com os problemas detectados e resolvidos, equipe seguirá com força total para Le Mans
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 A largada das 6h de Spa-Francorchamps (Foto: Toyota)

A DragonSpeed está de volta para as 24 Horas de Le Mans. O chefe da equipe, Elton Julian, anunciou que seguirá o programa na categoria LMP1 do WEC. A equipe havia suspendido suas atividades na competição enquanto conduzia investigações acerca da segurança de seus carros, motivada pelo acidente sofrido por Pietro Fittipaldi nas 6h de Spa-Francorchamps.

Na etapa belga, outros dois carros BR1, ambos operados pela equipe SMP, também sofreram problemas que incluíram o capotamento de Matevos Isaakyan na Eau Rouge. Julian, entretanto, explicou que os investigadores encontraram razões claras para o acidente de Fittipaldi, sendo capazes de corrigi-las.
Pietro Fittipaldi sofreu forte acidente durante treinos das 6h de Spa-Francorchamps (Foto: Reprodução/YouTube)

“Estou feliz em anunciar que decidimos seguir imediatamente com nosso programa na LMP1, começando com o dia de testes em Le Mans. A razão para isso é o fato de estarmos satisfeitos com as conclusões acerca do incidente de Pietro na Eau Rouge. Tudo aponta para um problema óbvio, que pode e será retificado pelos construtores”, disse.

O proprietário ressaltou, ainda, o compromisso de sua equipe com a segurança e a participação dos construtores do protótipo na investigação do acidente.

“Isso nos dá confiança de que podemos construir um novo carro e estar prontos a tempo para os testes em Le Mans. Gostaríamos de agradecer a BR Engineering e Dallara por dar essa oportunidade de retornar tão rapidamente. Tem sido um processo muito difícil e árduo até tomarmos essa decisão, mas sinto que fizemos certo e temos que bancá-la”, completou.

A DragonSpeed ainda não apontou substituto para o brasileiro, que tem previsão de retorno apenas para julho e fazia trio com Henrik Hedman e Ben Hanley.

O Mundial de Endurance segue para a primeira etapa das 24h de Le Mans. A largada da tradicional prova ocorre no dia 16 de junho.
TEM LENHA PRA QUEIMAR

CASTRONEVES SENTE FALTA DA INDY E MERECE ESTAR NO GRID