DTM

Zanardi volta às pistas para disputar etapa de Misano do DTM: “Me sinto uma criança em uma loja de doces”

Alex Zanardi, bicampeão da Cart e dono de quatro ouros paraolímpicos, vai se aventurar no DTM. O italiano vai disputar a rodada de Misano ao lado da BMW, retornado às pistas pela primeira vez em dois anos
Warm Up / Redação GP, de Porto Alegre
 Zanardi encerrou a participação nos Jogos Paraolímpicos do Rio com mais uma medalha de ouro, dessa vez no revezamento H2-5 (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

A terça-feira (29) reservou um retorno inesperado no automobilismo. Alex Zanardi, bicampeão da antiga Cart e dono de quatro ouros paraolímpicos, foi confirmado como piloto da BMW para a etapa de Misano do DTM, em agosto.
 
A rodada dupla na Itália, país natal de Zanardi, vai ser a primeira chance nas pistas desde 2016, quando participou de etapas do Italiano de GT – e venceu. Antes disso, o piloto havia disputado a maior parte da temporada 2014 do Mundial de GT. Apesar de nunca abandonar as pistas em definitivo, Alex teve uma prioridade especial em anos recentes: o esporte paraolímpico, onde se especializou no ciclismo e conquistou quatro medalhas de ouro – duas em Londres, em 2012, e duas no Rio de Janeiro, em 2016.
 
O envolvimento com o esporte paraolímpico foi consequência do gravíssimo acidente de Zanardi em Lausitzring – em 2001, ainda na Cart, o italiano foi atingido por Alex Tagliani e precisou amputar as duas pernas. Nas aparições no automobilismo, o medalhista usa carros adaptados.
 
“Me sinto como uma criança em uma loja de doces e estou muito ansioso para andar com o BMW do DTM em Misano”, disse Zanardi. “Como um fã de automobilismo, já estava planejando viajar até Misano para acompanhar a primeira corrida noturna da história do DTM. Estar no cockpit agora e disputar eu mesmo a corrida noturna é fantástico”, seguiu.
Zanardi, medalhista paraolímpico e lenda do automobilismo, volta às pistas (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Zanardi tem experiência no turismo, disputando cinco temporadas do WTCC entre 2005 e 2009, mas nunca competiu no DTM. Para Gerhard Berger, ex-piloto e hoje promotor do certame alemão, é uma grande honra.
 
“Estamos muito honrados por ter a chance de receber um convidado tão famoso no grid do DTM. Alex Zanardi é extremamente popular, e não somente na Itália. A performance extraordinariamente impressionante dele como atleta, o otimismo insuperável e humanidade se destacam além do esporte e inspiram milhões pelo mundo”, considerou.
 
Antes de correr em Misano, Zanardi vai participar de testes privados com a BMW. Por ser inscrito como piloto convidado, o veterano não vai somar pontos no campeonato de pilotos.