DTM
14/10/2017 15:33

Ekström e Green perdem posições no grid da corrida 2 em Hockenheim e deixam decisão do título imprevisível

Ao menos uma certeza se tem sobre o novo campeão do DTM. Ele é piloto da Audi. Mas tudo está indefinido entre Mattias Ekström, René Rast, Jamie Green — vencedor da corrida deste sábado — e Mike Rockenfeller. Mas antes mesmo da decisão neste domingo, Ekström e Green, líder e vice-líder do campeonato, sofreram um duro revés e vão perder posições no grid de largada da prova derradeira da temporada
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Mattias Ekström sofreu uma punição que pode atrapalhar seus planos de título (Foto: DTM)

Horas depois da disputa da primeira corrida do fim de semana da etapa final da temporada 2017 do DTM em Hockenheim, a direção de prova determinou duas punições que podem ser fundamentais para definir o novo campeão. Jamie Green venceu a prova deste sábado (14) no circuito alemão e, com o resultado, voltou à briga pelo título no momento decisivo. Mas uma punição imposta pouco após a corrida pode colocar tudo a perder. Novo vice-líder do campeonato, Green vai perder dez posições no grid da prova deste domingo. E o líder da temporada, Mattias Ekström, também foi punido e vai perder cinco posições.
 
A soma dos resultados da corrida deste sábado colocou nada menos que quatro pilotos da Audi com chances de conquistar o título do DTM. Ekström, que começou o fim de semana com 21 pontos de vantagem para o então vice-líder, René Rast, ficou em 11º e estacionou nos 172. Quem se deu bem foi Green, que passou Rast com a vitória em Hockenheim e virou o novo vice-líder, com 163. O alemão caiu para terceiro e agora soma 159, enquanto Mike Rockenfeller, que passou Timo Glock no fim e terminou em segundo, tem 152.
Matthias Ekström ficou mais longe do tricampeonato? (Foto: DTM)
Se Ekström tinha totais chances até de ser campeão neste sábado, agora o sueco vive um pequeno drama. Na primeira parte da corrida, o veterano sueco, que está perto de conquistar o tricampeonato do DTM dez anos depois do seu último título, foi considerado culpado por ter jogado Maro Engel para fora da pista e sofreu uma advertência. Foi a terceira de Ekström neste ano, o que se traduz na perda de cinco posições no grid.
 
Por sua vez, Green foi punido por conta da dura batalha que também envolveu Timo Glock na fase inicial da prova, quando a prova foi definida na prática por conta da disputa pela liderança. Os dois pilotos se tocaram após um duelo lado a lado, com o alemão da BMW ficando sem espaço para percorrer a curva 10 de Hockenheim. 
Jamie Green venceu, mas o sábado terminou com um gosto amargo (Foto: DTM)

Green, bem como Ekström, recebeu uma advertência, a quinta da temporada. E o regulamento diz que a reincidência, a partir da quinta advertência, ocasiona a perda de dez posições no grid.  Mesmo com as punições, Ekström e Green entram na briga pelos pontos de bônus que os três primeiros colocados do treino classificatório recebem.
 
A corrida decisiva para o título da temporada 2017 do DTM acontece às 10h (horário de Brasília) deste sábado e vai contar com transmissão ao vivo pelo canal por assinatura BandSports.
’EXTRAORDINÁRIO’

DI GRASSI VÊ HAMILTON COMO UM DOS TRÊS MAIORES DA HISTÓRIA