Brasileiro de Marcas
20/05/2018 12:00

Orige aproveita problema com Iserhard e vence corrida única do Brasileiro de Marcas em Santa Cruz do Sul

Atual campeão e líder do Brasileiro de Marcas, Vicente Orige duelou durante quase toda a corrida na manhã deste domingo com Rafael Iserhard, que fez sua primeira prova na categoria correndo em Santa Cruz do Sul, sua cidade-natal. O gaúcho acabou cometendo um erro, na esteira de problemas com seu carro na fase final da disputa. Erro que foi aproveitado por Orige, que partiu para mais uma vitória em 2018
Warm Up, de Santa Cruz do Sul / FERNANDO SILVA,  de Santa Cruz do Sul
 Pódio da corrida única do Brasileiro de Marcas em Santa Cruz do Sul (Foto: Fernanda Freixosa/Vicar/Vipcomm)

Vicente Orige faturou a quarta vitórias em cinco corridas disputadas na temporada 2018 do Brasileiro de Marcas. Na manhã deste domingo (20), em Santa Cruz do Sul, o atual campeão da categoria levou a melhor depois de ter largado na pole e, na esteira de um duelo com o piloto da casa, Rafael Iserhard, tirou proveito de um problema no carro do gaúcho para levar a melhor e rumar novamente para o topo do pódio.
 
Iserhard, que foi um dos bons nomes do fim de semana, tinha chances consideráveis de vencer a prova. Mas depois de passar reto pelo S e ir para a grama, mostrou queda de performance e ficou para trás. No fim, o piloto de Santa Cruz do Sul caiu para quinto na última volta. Guilherme Reischl foi o segundo colocado, terminando logo à frente de Raphael Campos, que completou o pódio. Orige é o líder do campeonato com 104, enquanto Campos agora soma 86. 
 
O destaque negativo do Brasileiro de Marcas ficou por conta do grid bastante reduzido, com apenas oito carros. A próxima etapa do campeonato vai ser a preliminar da Corrida do Milhão da Stock Car, entre 4 e 5 de agosto.
Vicente Orige cruza a linha de chegada e vence em Santa Cruz do Sul (Foto: Fernanda Freixosa/Vicar/Vipcomm)
Saiba como foi a etapa do Brasileiro de Marcas em Santa Cruz do Sul
 
Por conta da forte chuva no sábado e de toda a mudança de programação, o Brasileiro de Marcas teve apenas uma corrida no fim de semana em Santa Cruz do Sul, com a prova restante ainda com destino a ser definido. Vicente Orige, na pole-position, acabou sendo superado na primeira curva pelo novato Rafael Iserhard, que é oriundo de Santa Cruz do Sul. O destaque negativo ficava por conta do grid diminuto, de apenas oito carros.
 
Ainda na primeira volta, Enrico Bucci rodava com seu Renault Fluence após um pneu furado, ficando para trás do pelotão na disputa da prova. O que ficou claro é que, logo no início, a luta pela vitória estava resumida a Iserhard e Orige. Guilherme Reischl, companheiro de equipe de Iserhard na Blau, já estava 7s atrás do líder com apenas duas voltas. 
Largada da etapa de Santa Cruz do Sul do Brasileiro de Marcas (Foto: Duda Bairros/Vicar/Vipcomm)
Lá atrás, Luiz Turmina rodava com seu Renault Fluence e deixava a corrida com apenas sete carros.
 
A batalha entre Iserhard e Orige deu o tom do início ao fim da corrida. O piloto gaúcho da Blau, mesmo na condição de novato no Brasileiro de Marcas, mostrou muita segurança e não se abalou com a forte pressão do atual campeão. E Reischel, que vinha sofrendo com os ataques de Roberto Hofig, viu o adversário cometer um erro e praticamente sair da luta pelo pódio.
 
Tudo se encaminhava para uma vitória na raça de Iserhard, mas o piloto local errou ao percorrer um dos esses e passou reto pela grama, indicando ter problemas no carro. Orige, experiente, deu o bote, assumiu a liderança e assim seguiu até o fim da corrida única da etapa de Santa Cruz do Sul. Na última volta, Iserhard perdeu muitas posições, caindo para quinto. Assim, Reischl e Raphael Campos, primo de Julio Campos, completaram o pódio.
Vicente Orige festeja mais uma vitória na temporada 2018 do Brasileiro de Marcas (Foto: Fernanda Freixosa/Vicar/Vipcomm)
A NOVA ESTRELA DA FÓRMULA E

DECISÃO DE MASSA PELA FE É OUSADA, CORAJOSA E MUITO SEGURA